Um dos pilares do Lean que o SAFe se baseia é a melhoria implacável. E com as melhorias do framework não poderia ser diferente, como veremos na mais nova versão SAFe 5.1.

Pouco mais de um ano do lançamento da versão 5.0, a atualização do SAFe 5.1 traz sensíveis melhorias para o entendimento do framework.

Apresentamos as principais melhorias da versão SAFe 5.1 e como estas alterações apresentadas podem trazer benefícios, soluções e reformulação de alguns artigos.

Acompanhe abaixo:

A primeira mudança foi na diferenciação mais explícita sobre cadeia de valor operacional e cadeia de valor de desenvolvimento.

Havia muita confusão sobre em que tipo de cadeia de valor o SAFe atua.

Com essa modificação da Big Picture, fica mais evidente e clara esta diferenciação.

Ainda em Portfolio, foram introduzidos os ícones “Solutions” evidenciando ainda mais o conceito das cadeias de valor de desenvolvimento, que visam criar e manter soluções.

Outro conceito que mereceu destaque na versão SAFe 5.1 foi o de orçamentação participativa (Participatory Budgeting, PB).

Este conceito também teve uma grande reformulação em seu artigo.

Em Essential, também devido a vários feedbacks sobre o entendimento errôneo do fluxo, houve uma grande modificação visual.

No CDP (Continuous Delivery Pipeline) como o ícone de Release On Demand ficava posicionado ao final do CPD, muitos entendiam que o release era uma etapa final do CDP, o que nunca foi. Assim, foi removido o ícone de Release On Demand e pequenos ícones de release foram introduzidos em diferentes pontos ao longo das PIs buscando evidenciar que o release pode ou não seguir uma cadência ou frequência.

Outra modificação introduzida foram os Loops Infinitos de CDP dentro das iterações. Muitos interpretavam que primeiro se fazia somente Continuous Exploration (CE), depois Continuous Integration (CI) e depois Continuous Deployment (CD), mantendo iterações somente exploração/descoberta, e na sequência para CI e CD.

Foi destacado também o termo Sec (Segurança) no ícone de DevOps, para reforçar o conceito de “security by design” que está contido em DevOps.

Ainda em Essential, o ícone de Solution foi substituído por um ícone mais alinhado ao conceito de Design Thinking, destacando que a solução está sempre em evolução.

No canto inferior direito, foi realizada uma simplificação para “Business|Technology”, do que era mencionado  antes, “Business|Dev|Ops|Support”.

Nesta atualização também buscou-se reduzir, atenuar mais uma vez o uso do termo “Program”, assim o termo “Program Increment” foi abreviado para PI.

Vale lembrar que na versão 5.0, a camada “Program” já havia sido renomeada para “Essential”. No canto inferior direito, o termo SAFe Program Consultant também foi abreviado.

Houve também uma atenuação das fronteiras de PI devido à má interpretação, associando release com término da PI.

Em se tratando de conteúdo, houve uma grande reformulação de alguns artigos:

– Participatory Budgeting

– Dev(Sec)Ops landing page

– Teams

– Guidelines for splitting a large Value Stream

– Business and Technology landing page

– Operational Value Stream types

– Development Value Streams patterns

Você também pode encontrar mais informações junto a Scaled Agile.


E aí, gostou das melhorias? Deixe seus comentários abaixo.

Roberto Baptista

Experiência em TI como desenvolvedor, DBA, gerente e diretor de TI. Mestre em Gestão e Informática em Saúde, atualmente doutorando na Escola Paulista de Medicina - UNIFESP. Chief Learning Officer na Adaptworks SAFe Program Consultant (SPC) desde 2014, participo ativamente da comunidade SAFe e sou um dos organizadores do Brazilian Official SAFe Meetup. Apoio a Scaled Agile na tradução de materiais para o português. Facilitador certificado do Lean Change Management e instrutor certificado ICAgile.

Deixe uma resposta